quarta-feira, 4 de fevereiro de 2009

•Lembranças&desabafo•


Estava lembrando dos meus tempos de criança...Minha infância não foi das melhores, eu era uma criança doente, lembro que às vezes dizia que o hospital era minha 2° casa...Até hoje não sei ao certo o que eu tinha... mas era sério... convulsões, desmaios... tantos problemas..

Foi como se um filme passasse pela minha mente... eu vi tudo !!

Minha mãe chorando... eu gritava de dor quase todas as noites... e nenhum médico descobria qual era meu problema.. alguns chegavam a dizer que eu fazia aquilo pra chamar atenção...Mas isso não me entristece... muito pelo contrário... me anima !!Pois, hoje, eu olho pra trás e vejo tudo o que eu passei..e agora, estou aqui..Fiz muitas conquistas... tive perdas também, mas nenhuma foi maior do que minhas vitórias !!
Todos os dias quando me levanto agradeço a Deus, por estar viva, pela minha família, pelos meus amigos...

Acho que é por isso que eu sonho tanto em ser médica... quero ajudar crianças, pessoas que, assim como eu... passaram por momentos difíceis..Algumas pessoas dizem que medicina é coisa pra rico...eu sei que vai ser difícil... mas perto de tudo o que eu já passei... eu sei que vou conseguir...O futuro não me pertence... mas por enquanto..esse é meu grande sonho..e não vou desistir dele por nada...Talvez, mais pra frente eu mude... tenha outros sonhos... mas por enquanto é isso que eu quero..e é por isso que vou lutar !!
*Desculpa gente..hoje eu acordei assim...me sentindo pesada... precisava "botar pra fora" tudo o que eu estava sentindo..pensando... Hoje eu estou bem melhor...e devo tudo à Deus e minha família..hospital?? nem me lembro quando foi a última vez que apareci por lá..e quer saber?? Não sinto um pingo de saudades!! rs Bjos..bjos !! Até mais !!

14 comentários:

  1. Tânia, eu também fui uma criancinha meio fraquinha de saúde, mas nada tão sério como o seu problema. Eu tive algumas pneumonias e outras infecções que tomaram noites de sono de minha mãe, em hospitais. Hoje, minha saúde ainda não é lá essas coisas, mas agora sei que é por minha culpa, descuido de gente besta, sabe?! Deus cuida de nós, de formas que não imaginamos, acredito assim. Ser médico(a) não é coisa de gente rica, é coisa de gente boa, isso sim. Não desiste, não, menina! Continua assim, acreditando que a vida é um privilégio, é o sopro que Deus nos deu e é a coisa mais linda, preciosa e desejável que se pode ter e ser agradecida é o mínimo que devemos. E, olha, a gente vem aqui pra ler mesmo. Desabafa, mas fica bem!

    Beij:o)

    ResponderExcluir
  2. Obrigada Fee..brigada mesmo !!

    ResponderExcluir
  3. Fico feliz por suas vitórias! Também quero ser médica e espero que tenhamos muitas mais vitórias pela frente. Beijooos

    ResponderExcluir
  4. A senhorita há de ser médica. És forte, tudo que lhe houve quando criança só lhe fortaleceu para as lutas da vida. Irá muito longe.

    Abraço,

    R.Vinicius

    ResponderExcluir
  5. Ô, Taninha, eu me identifiquei com a sua história.
    Pois também tive convulsões na infância, devido a uma febre de 40 graus que sofri no primeiro mês de vida.
    Aquela febre matou muitos neurônios no meu cérebro, e, por causa dela, até hoje tomo remédio para disritmia.
    Você teve sorte de ser curada.
    Que bom!!!

    ResponderExcluir
  6. É isso aí, estamos vivos. Quem ri por último é quem continua vivo, rsrs.
    Eu tive até um pouco de sorte na juventude, porque desde sempre me dediquei à matemática. Estude-a, é a matéria mais importante. Ela vale em qualquer país, sem precisar de tradução, seus símbolos são universais como a música.
    Galileu Galilei disse: "A matemática foi o alfabeto com o qual Deus escreveu as leis do Universo."
    =)

    ResponderExcluir
  7. Não gosta de Química? Vixe! Era a única matéria que eu não gostava. Tem muitas excessões para as regras, dava uma confusão danada.
    A química física é normal, mas a química orgânica é difícil...

    *-* beijó(K)awanami

    ResponderExcluir
  8. Tânia, eu devia começar dizendo que achei lindo o que você escreveu. Mas não é só. Além de lindo, foi uma história admirável. Algumas vezes na vida, a gente se depara com pessoas que percebemos serem especiais. E quando conhecemos a história da vida dessas pessoas, passamos a ter certeza de que foi sorte tê-las enocontrado. É assim que me sinto agora.
    E quero dizer logo que você não deve desistir desse seu sonho. Ele é lindo. E não é intocável. É um sonho real e possível, como qualquer um outro. Não o largue. Siga-o. Lute por ele. Se um dia mudar de idéia, mude. Gire 180 graus e recomece um capítulo novo. Mas que seja por você, só por aquilo que teparecer cero dentro do seu coração. As pessoas não tem que te dizer o que fazer e o que não fazer. Não escute. Ser médico é coisa de gente rica, rica de sentimento. Eis a verdade.
    Esatrei na sua torcida.
    bj

    ResponderExcluir
  9. Bela reflexão a tua! Não tive problemas assim na infância, mas todos nós temos problemas ao longo da nossa vida, cada um com os seus e é exatamente isso o que nos fortalece! O que seríamos de nós se tudo fosse muito fácil na vida? Se não lutássemos pelos nossos sonhos e tivéssemos tudo de bandeja?! Humm acho que seríamos um pouco egoístas, não saberíamos o verdadeiro valor das coisas! Até falei sobre algo parecido no meu blog, sobre a tal da ingratidão! Como seria bom se percebessemos todos os dias o quanto somos sortudos de estarmos vivos, com saúde e nossa família ao lado! E melhor, agradecer a Deus por tudo isso!
    Enfim, você será uma boa médica viu? Acredite!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  10. Se tem uma coisa que não me arrependo de forma alguma..é ter criado esse blog..gente..tô amando..
    É tão bom..poder dividir o estou sentindo..e receber todo esse apoio..
    Valeu gente !!
    Bjos à todoos !!

    ResponderExcluir
  11. Que post mais liindo Tânia!
    Sabe, quando nós temos um sonho assim, principalmente que visa ajudar outras pessoas que passam talvez pela mesma coisa que nós, vale muito à pena lutar por ele. Nos fortalece, principalmente saber que nós vamos salvar a vida de várias pessoas. Eu tenho certeza que você vai alcançar esse objetivo, porque você merece viu? Além do mais, você tem uma qualidade que, particularmente, poucos tem. A gratidão. Agradecer a Deus por tudo é muito importante. Estou torcendo por você!
    beeijos:**

    ResponderExcluir
  12. Que bom que hoje vc tah aki com a gente e todos os problemas superados!!! uhu!!!
    espero e torço que vc realize o seu sonho. Com certeza ele vai se realizar e vc será uma grande médica!!!

    eu tbm nao saía do hospital, mas era pra engessar ou fazer fisio de algum membro...rs
    lembro que eu fui engessar o braço e minutos depois eu tinha que tah em outra sala fazendo fisioterapia...rs
    BjAõ!!!

    ResponderExcluir
  13. É, Tânia, o final ficou esquisito porque é para fazer de conta que eu estava esclerosando. rsrs

    =D
    Marcos

    ResponderExcluir